Esperanças líquidas

0
595

A sociedade nos brinda todos os dias com um arsenal de informações, somos invadidos com imagens, sons, conceitos novos e teorias diuturnamente, o que nos causam medo e desesperança, mas ao mesmo tempo novos desafios cheios de perspectivas interessantes e sensacionais, este paradoxo nos envolve e torna a contemporaneidade extraordinária, colocando lado a lado a genialidade e a loucura, divididos por uma linha tênue.
A globalização nos leva a assistir, no sofá de nossas casas, as mais variadas experiências humanas em todos os locais, o computador nos coloca em contato com um universo quase paralelo, cheio de informações, conhecimentos e desafios, nossos competidores no mercado de trabalho não estão mais ao nosso lado, na nossa cidade, região ou país, mas em todas as regiões do mundo, nos outros continentes e em países que pouco conhecemos e raramente ouvimos algo a respeito.
Os sentimentos estão em mutação e geram grandes inquietações nos indivíduos, laços anteriores chamados duradouros hoje pouco encontramos, amores verdadeiros, marcados pela renúncia, admiração e respeito, temos dificuldades de encontrar, gerando nas pessoas medos e fobias variadas, criando, com isso, novos desafios profissionais para os psicólogos e intelectuais, além de intensificar os investimentos da indústria farmacêutica.
O mundo do trabalho em constante mutação leva o indivíduo à beira de um ataque de nervos, trabalhos antes estáveis e com boas perspectivas de ascensão profissional estão hoje sendo rapidamente substituídos pelas máquinas e pela tecnologia, obrigando o trabalhador a buscar qualificação constante, deixando uma parcela substancial de seu tempo para a vida profissional, reduzindo seus momentos de lazer e de construção familiar, importantes para a consolidação do indivíduo como um agente social.
Violência no Brasil, guerras no Oriente Médio, terrorismo no Paquistão, Iraque ou Afeganistão, destruição do Meio Ambiente, secas em algumas regiões e excesso de chuvas em outras, além de corrupção, pragas e crises financeiras com desemprego em massa e piora dos indicadores sociais, estas são notícias corriqueiras, que nos assustam e nos geram preocupações, mas que na atualidade estão sendo combatidas e colocadas em discussão, o ser humano está, embora para muitos lentamente, começando a conversar sobre muito de seus desequilíbrios e desajustes, espero que consigamos encontrar a contento respostas para muitos destes problemas, evitando derramamento de sangue de supostos inocentes, digo supostos porque não consigo acreditar que, neste mundo de provas e expiações, existam seres humanos inocentes, todos nós respondemos por algum arbítrio cometido em nossas existências pretéritas, esta convicção norteia meus pensamentos e me auxilia a compreender algum fato negativo ocorrido no cotidiano.
A reencarnação, ignorada por muitos, é um conceito fundamental para compreender a situação do mundo, estamos em uma sociedade marcada por graves desequilíbrios, alguns descritos anteriormente, estes conflitos estão vivos na mente do ser humano e apenas ele pode reconhecer e combater tais deficiências, só assim poderemos dizer que estamos evoluindo e construindo um mundo melhor. Os clássicos já nos diziam claramente, conheça te a ti mesmo, estas palavras sábias e inspiradoras são fundamentais para o ser humano, ao não se conhecer nos deparamos com vários equívocos, e pior, repetimos estes equívocos e os transformamos em desajustes estruturais, sendo, com isso, “obrigados” a estagiar novamente neste mundo, externamente tão violentos mas que na verdade refletem a violência que trazemos e cultivamos dentro de nós, portanto, somos todos responsáveis pela situação atual.
Mas este mundo de expiação e provas esta sendo chamado pela espiritualidade para uma conscientização, um momento de reflexão e mudanças, os desajustes são muitos, o tempo está se esgotando, todos encontrarão seu caminho, ninguém será abandonado pela Providência Divina, agora, alguns caminham mais rapidamente, são mais ágeis, percebem as oportunidades e se preparam para uma nova era, estes continuarão neste mundo que passará a ser um espaço de regeneração, com mais fraternidade, alegria e solidariedade, enquanto os outros tomarão um outro destino, serão encaminhados para um novo local, o planeta é imenso, outros mundos mais parecidos com seus sentimentos densos e grosseiros, lembremos a obra Exilados de Capela, onde tivemos a oportunidade de conhecer o destino de um grupo de espíritos, que mesmo dotado de um grande potencial intelectual, mas desprovido de sentimento e de moral, foi fundamental para auxiliar no crescimento e desenvolvimento do planeta Terra, onde usaram sua inteligência para alavancar países e melhorar as condições sociais da população.
A mudança já começou, não temos mais tempo para postergar nossas ações no bem, o tempo urge e os corações clamam por momentos melhores e mais promissores, a transformação deve nos levar para um mundo melhor, mas este mundo só será construído quando cada um de nós acordarmos para os ensinamentos do bem, os exemplos são muitos, Chico Xavier, Madre Tereza de Calcutá, Irmã Dulce, entre outros, fazer é possível basta que cada um faça a sua parte e assim, com certeza viveremos em um mundo melhor.

DEIXAR RESPOSTA

Por favor digite seu comentaário
Digite seu nome